Q24 e Q25

Considere a situação a seguir para responder às questões de nos 24 e 25.

A figura acima ilustra uma pista perfeitamente lisa, composta pelos trechos horizontais AB e DE e pelo arco de circunferência BCD, sendo C o ponto mais alto do arco. Nessa pista, os trechos AB e DE estão alinhados. Uma pessoa lança um corpo de dimensões desprezíveis sobre essa pista. Esse corpo percorre o trecho horizontal AB e, a partir do ponto B, começa a subir o arco de circunferência.

24
Com base nas informações apresentadas acima e considerando-se que o corpo ultrapassa o ponto C, analise as afirmativas a seguir.
I–A força empregada pela pessoa sobre o corpo no momento do lançamento continua agindo sobre o corpo durante o trajeto AB.
II–No ponto C, a força normal exercida pela pista sobre o corpo é menor, em módulo, do que o peso do próprio corpo.
III–O corpo alcança o ponto E.

É correto APENAS o que se afirma em
(A) I.
(B) III.
(C) I e II.
(D) I e III.
(E) II e III.

25
Considerando-se a gravidade local igual a 10 m/s , qual a mínima velocidade, em m/s, que o corpo deve ter no ponto B para que consiga, de fato, alcançar o ponto C?
(A) 0,90
(B) 1,00
(C) 1,10
(D) 1,20
(E) 1,44

Ver Solução


  • Euder

    Na 24 a Força centrípeta está orientada na vertical e para baixo, correto? Mesmo sentido da força peso. Então não seria Fnormal = Fc +P?

  • Gui

    Essa situação é impossível, se a velocidade fosse alta o suficiente o corpo perderia contato em um ponto do arco antes de C, e como o enunciado diz que ele chega até C, não há nada incorreto. 

  • Anônimo

    Eu acho que a questão 24 deveria ser anulada, pois em nenhum momento ela fala que o corpo permanece em contato com o solo o tempo inteiro. Se o objeto for muito rápido, quando ele subir o arco, pode ser que a força centrípeta não seja suficiente pra segurar o corpo, e ele perderia o contato com o solo. Portanto, a afirmativa II não está necessariamente correta.

  • Dammyão Alves

    “Com base nas informações apresentadas, e considerando-se que o corpo ultrapassa o ponto C…”

  • Gabrielfavaro Fem

    O que eu não entendi na questão 24 é que em nenhum momento é falado que o corpo chega até ao ponto C…fala que começa a subir….mas não fala que chegou…então não necessariamente chegaria até E.

  • Jobson Bernardino

    Questão 25:

    Como o corpo não sofre a ação de forças externas, a Energia Mecânica no ponto B e a mesma Energia Mecânica no ponto C. Sabendo que a Energia Mecânica é uma soma da energia cinética e potencial, basta calcular a velcidade.
    Emec B= Emec C
    EcB + EpB = EcC +EpC, a energia potencial no ponto B é zero e a energia cinética no ponto C também é zero. Logo EcB = EpC, ou seja, vo=raiz(2gh), vo=raiz(2*10*0,072)=raiz(1,44), vo=1,2m/s.

    RESPOSTA: LETRA D)

  • Jobson Bernardino

    Questão 24:
    I- O corpo entra em movimento devido a ação de uma força externa, mas esse movimento se prolonga devido a transferência de energiaao corpo, ou seja, energia cinética. Assim o corpo move-se apenas pela ação de sua velocidade. Enunciado INCORRETO.
    II- No ponto mais alto do arco, temos a ação da força normal sobre o corpo, da força peso e da força centripeta(força resultante),visto que é um movimento circular, logo P=Fn+Fc, ou seja, Fn<P. Enunciado CORRETO.
    III- Devido a Conservação de Energia, já que não há forças externas atuando no corpo(força de atrito), o corpo alcança o ponto C, visto que a energia cinética foi tansformada em energia potencial. Enunciado CORRETO.

    RESPOSTA: LETRA E)

  • Gustavo Becker

    V^2=〖Vo〗^2+2∆S∙g
    A velocidade mínima do corpo é tal que a velocidade final é igual a 0, V=0, então temos:
    0^2=〖Vo〗^2+2∙(72∙〖10〗^(-3) )∙10
    Calaculando temos: Vo =1,22 m/s