Q66

A figura acima ilustra um recipiente cilíndrico totalmente fechado, contendo gás e óleo. A, B e C são pontos no interior do recipiente, estando A no seu tampo, C na sua base e B na interface gás-óleo. As densidades do óleo e do gás valem, respectivamente, 0,8 g/cm3 e 0,01 g/cm3.Sabendo-se que a pressão no ponto A vale 6 kPa e que a gravidade local vale 10 m/s2, conclui-se que a pressão no ponto C, em kPa, vale
(A) 4,0
(B) 6,0
(C) 6,4
(D) 10,0
(E) 10,4

Ver Solução


  • Engmcelestino

    Alguém sabe como eu faço para postar/compartilhar um exercício da mecânica dos fluidos para ver se algum colega consegue resolver a questão? Por favor, quem souber como, me dê a dica, pois não estou conseguindo resolvê-la.

  • http://twitter.com/LBusinessman Leandro Businessman

    Fsenajr, você está mal informado. Verifique no site da cesgranrio um documento chamado “Resposta aos Recursos”. Nele, é informado que a questão número 66 tem resposta E (diferente da resposta D que havia sido divulgada no gabarito). Outra coisa: as questões de número 1, 48 e 59 foram anuladas.

  • eng

    Mas se desprezar a coluna de gás, essa pressão será do ponto B, certo?

  • Gustavo Sobreira

    a resposta é E
    está claro
    ele diz “a pressão no ponto A é 6
    depois é calcular a hidrostatica do gas e do fluido

  • Leandro

    A minha deu 10,4 kPa. Segue abaixo a resolução:

    1g = 10-3
    kg

    1cm3
    = 10-6 m3

    Dados:

    pA = 6 kPa = 6.000 Pa

    µÓLEO = 0,8 g / cm3 = 8 . 10-4 kg / 10-6 m3 = 8 . 102 kg / m3

    µGÁS = 0,01 g / cm3 = 10-5 kg / 10-6 m3 = 10 kg / m3

    g = 10 m/s2

    Fórmula:

    Peso específico = densidade x aceleração da gravidade

    Resolução:

    pC
    = 6.000 + (10 [kg / m3] . 10 [m/s2]  . 4 [m]) + (8 . 102 [kg / m3] . 10 [m/s2]  . 0,5 [m])

    pC = 6.000 + 400 + 4000 = 10400 Pa = 10,4 kPaSe alguém está estudando e quiser entrar em contato comigo, meu skype é leandro10102

  • Jrog

    A Cesgranrio mudou esse gabarito, saiu primeiro letra D, mas depois lançaram uma nota alterando para o E.

  • EFG

    Eu também concordo. As contas estão corretíssimas, porém, deve-se considerar a pressão do gás. Isto porque a pressão do ponto A é a da superfície (pela figura). Ela não leva em conta o peso do gás sobre o ponto C.
    Porém o gabarito é letra D.

  • Jrog

    Tá errado, tem que considerar a pressão hidrostática do gás. O gabarito correto é a letra E.

  • Vivien Rossbach

    Verdade, só se desprezar a pressão da coluna de gás… senão dá 10,4 kPa

  • Eliltonedwards

    Caro estudante;

    A dificuldade na resolução desse exercício esta relacionado com transformação de unidades.

    - Deseja-se calcular a pressão no ponto C;

    - O enunciado já da a pressão no ponto A, e observe que a pressão no ponto A é a pressão da coluna de gás ou seja AB;

    - A pressão no ponto C é a soma da pressão no ponto AB (que já foi dado no enunciado) e a pressão no ponto BC ( que devermos calcular.)

    Então vamos aos cálculos.

    Da teoria sabemos que P = d * g * h; (eq.1)

    Foram dados:
    d = 0,8 g / cm^3
    g = 10 m/s^2
    h = 0,5 m ( referente apenas a coluna de óleo)

    Temos que lembrar que 1Kg = 1000g ou 1g = 0,001Kg e 1 cm^3 = 10^-6 m^3 ou 1 m^3 = 1000000 cm^3

    Logo; g/cm^3 = 1000 Kg Kg/m^3

    Então vamos substituir os valores na eq.1

    Pbc = (0,8* 1000Kg/m^3) * 10 m/s^2 * 0,5 m = 4000 Kg/m.s^2

    Lembre-se de que Pa=Kg/m.s^2 e que K = 1000;

    Então: Pbc = 4 kPa

    Como a pressão no ponto C é a soma da pressão no ponto AB e BC, temos;

    Pc = Pab + Pbc = 6KPa + 4 KPa = 10 KPa, resposta (D)

  • Carlos

    Eu resolvi e acho que é a letra E. Só poderia ser a letra D se for desprezado o peso da coluna de gás.

  • Fsenajr

    Pessoal, para mim, o gabarito desta questão é letra D e não letra E. Alguém já resolveu?