Q30

A figura acima representa dois blocos de massa m1 = 3,0 kg e m2 = 1,0 kg, ligados por um cabo e apoiados numa superficie, puxados por uma forca de modulo F = 40 N. O coeficiente de atrito estatico entre os blocos e a superficie e μe = 0,1. Qual o valor do modulo da tensao no cabo?
Dado: g = 10 m/s2

(A) T = 10 N
(B) T = 13 N
(C) T = 15 N
(D) T = 18 N
(E) T = 60 N

Ver Solução
  • Adrian Braun

    E se n tivesse atrito?

  • schmitz83

    O problema não diz que que o objeto está parado. Ele apenas fornece o valor da força aplicada e um coeficiente de atrito. O fato de o problema ter dado o coeficiente de atrito estático não é suficiente para definir se o objeto está parado ou não. Isso só pode ser concluído a partir do coeficiente de atrito dinâmico e da avaliação de todas as forças.

    No entanto, a proporção entre as massas dos blocos permite uma resolução que não se faz necessário o valor do atrito dinâmico para calcular o valor da tensão no cabo.

    Não sei se foi casualidade ou proposital (novamente devido à proporção da massa dos blocos), mas caso os cálculos sejam feitos considerando que o coeficiente de atrito estático dado seja igual ao coeficiente de atrito dinâmico, a resposta correta é a mesma.

  • Hilda Lessa

    Quando um corpo não está em movimento a força da atrito deve ser maior que a força aplicada, neste caso, é usado no cálculo um coeficiente de atrito estático. Dessa forma, a unica resposta que pode estar correta é a letra E = 60 N, que é maior que a força de 40 N aplicada.

  • Aline

    Esqueci de somar a força de 40N no bloquinho 1

  • Aline

    Se no final da resolucao eu resolvesse escolher o bloco 1 primeiro, e fizesse
    Fat1->Força de atrito do bloco 1 seria:
    -T -Fat1 =m1*a
    -T = 3*9 -3 = -30N
    Esse valor não tem na resposta, (ainda bem, pois calculei pelo bloco 2 e achei 10N), mas alguém saberia explicar porque não encontrei o mesmo valor de tensão pros dois blocos? Obrigada.

  • Adriano Jorge

    Tinha que ter falado que o sistema se movimenta com velocidade constante, para podermos usar o mi_e na conta.

  • engBA

    O unico problema foi que na equação do bloco 2 você considerou a massa de m2 = 2 kg e, na verdade, é igual a 1 kg. Fora isso, certinho. Mostrou que realmente a questão não precisava ter dado o coeficiente de atrito dinâmico!

  • Anonimo

    Se existe atrito estático, então a superfície não é lisa, ou seja, existe tbm o atrito dinâmico.

    mi=coeficiente de atrito dinâmico

    Bloco 1

    40 -T -Fat1 = M1a
    40- T = 3a + 30mi
    40 – T = 3 (a+10mi) (1)

    Bloco 2

    T – Fat2 = M2a
    T = 2a + 20mi
    T = 2( a + 10mi) (2)

    fazendo  a + 10mi = T/2 e substituindo em (1):

    40 – T = 3( T/2)

    T = 16N

    Alguém está vendo algum erro nessa resolução?

  • Raiffy

    Tem que considerar o atrito dinâmico.
    Bloco 1: 40 – T – fat1 = 3a
    fat1 = 30ud (ud: coeficiente de atrito dinâmico)
    40 – T = 3(a + 10ud) (I)
    Bloco 2: T – fat2 = a
    fat2 = 10ud
    T = a + 10ud (II)

    substituindo II em I
    40 – T = 3T
    T = 10N

  • Alexabf7

    Corrigindo,

    F -T = m1xa     bloco 1
        T = m2xa     bloco 2

    e resolvendo o sistema T = 10N.

  • Alexabf7

    Galera a força F = 40 N (aplicada ao conjunto) é maior que a força de atrito estático máxima agindo no conjunto, fat = 0,1x10x4 = 4 N. Esse coeficiente só foi dado para sabermos que o conjunto está em movimento, mas só poderiamos usar as forças de atrito no esquema de forçar se tivessemos o coeficiente dinâmico. Assim fica o esquema de forças:

    F – T = m2xa      bloco 2
         T = m1xa      bloco 1

  • Leandro Taytelbaum

    Concordo!

  • Guilherme

    Discordo da resposta do Joao. O atrito é estatico, se há aceleração, ele deve ser desconsiderado.

    Fazendo F = ma para o conjunto dos blocos (m=4kg), se obtem uma aceleracao igual a 10m/s2.

    A tração no bloco menor eh responsavel por imprimir essa aceleracao nele. Logo, por F=ma, T = 1kg * 10m/s2. O resultado tb nos dá tb T = 10N da alternativa A

  • Pat

    Só tem um problema… nos foi informado o coeficiente de atrito estático, logo não para usarmos não deveria haver movimento relativo entre a superfície e o bloco, e a aceleração seria zero.

  • Joao

    Fat -> Força de atrito total
    mt -> massa total
    a-> aceleração do conjunto
    40-Fat=mt*a
    40-4*10*0,1=4*a
    a=9m/s^2
    T->traçao
    Fat2->Força de atrito do bloco 2
    T=m2*a+Fat2=1*9+1*10*0,1=10N

  • Kateryne Engpetroleo

    Sopinha de minhoca essa!
    Maior pegadinha!!!

  • Talles Caio

    resolva pela formula F =ma, uma equação para cada bloco.