Q26

No transporte de líquidos e gases em dutos, os parâmetros físicos mais relevantes a serem considerados são a pressão, a velocidade de escoamento e a viscosidade. Considere o caso em que um fluido contido em um reservatório é bombeado ciclicamente por um duto de seção com área A, conforme a figura abaixo. O nível estático do líquido no reservatório é mantido a uma altura h a partir do fundo do reservatório.

Acerca dessa situação e do movimento de líquidos e de gases em dutos, julgue os itens a seguir.

1
Para bombear líquido, a diferença de pressão gerada pela bomba deve ser igual à diferença de pressão hidrostática do fluido entre o ponto em que o líquido entra no reservatório e o nível estático do líquido.

2
Se, em algum segmento da tubulação, houver uma redução no diâmetro do duto para uma área A’< A, então, nesse ponto, a velocidade de escoamento v aumenta para v’ = (A/A’)v, tanto para líquidos como para gases.

3
De uma maneira geral, para líquidos incompressíveis e não-viscosos, a pressão p ao longo de um duto pode ser descrita pela equação de Bernoulli, , em que é a densidade, v é a velocidade, h é a posição vertical do duto em relação a um nível de referência, g é o módulo da aceleração gravitacional e K é uma constante.

4
No caso de fluidos viscosos, o trabalho realizado sobre o fluido para movê-lo é igual à soma da variação da energia cinética, da variação da energia potencial gravitacional e da energia térmica gerada pelo atrito devido à viscosidade.

5
O comportamento da pressão e da vazão pode ser modelado adequadamente pela tensão e pela corrente no circuito elétrico abaixo, em que os resistores R1 e R2 simulam as perdas de pressão por atrito ao longo das tubulações e a capacitância C representa a capacidade de armazenamento do reservatório.

Ver Solução