Q31

Ao se atingir a profundidade de 2.000 metros durante a descida de uma coluna de revestimentos de 9 5/8”; 47 Ib/pé; P-110, aumentou-se o número de linhas passadas do cabo de perfuração entre o bloco de coroamento e a catarina de 10 para 12. É correto afirmar que, com o aumento do número de linhas passadas, em relação à situação anterior, o esforço na torre:

(A) diminuiu de 10/12.
(B) diminuiu menos de 10/12.
(C) permaneceu o mesmo.
(D) aumentou menos de 12/10.
(E) aumentou de 12/10.

Ver Solução
Gabarito: B

Solução em breve.

 

10
Deixe um comentário

avatar
8 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
5 Comment authors
Lucas SantossimplesHelena_coimbraDanielHilcarlos Recent comment authors
newest oldest most voted
Lucas Santos
Visitante
Lucas Santos

Mas como se sabe que diminuir MENOS que 10/12, porque não poderia ter diminuído exatamente 10/12???

Daniel
Visitante
Daniel

Valeu pessoal pelas dicas de como raciocinar nesse caso ai. Havia marcado a letra B, mas so por intuição. Afinal, aumentar apenas 2 cabos e o esforço diminuir de 10/12 seria muito exagero. Valeu!

simples
Visitante
simples

Só corrigindo, Thomas 2a Ed, 2004.

simples
Visitante
simples

O esforço na torre devido ao peso da coluna de revestimento é o mesmo. O que muda é o esforço exercido sobre a torre pelos cabos que ligam o bloco de coroamento ao guincho, e também à âncora/bobina. (Figura 4.9, Thomas, 6th Ed)

Como aumentaram as linhas de 10 para 12, a tração no cabo diminui 10/12. E consequentemente, o esforço sobre na torre diminui um valor menor que este. (decomposição de vetores, etc)

Não tenho ctz, mas acho que o raciocínio é este.

Helena_coimbra
Visitante
Helena_coimbra

Antes a carga era 12/12…depois passa para 10/12

A redução da carga é 12/12 – 10/12 = 2/12

Daniel
Visitante
Daniel

Ok. Mas como sabe o valor exato da redução de carga? Se de 10/12 ou menos?

Hilcarlos
Visitante
Hilcarlos

O bloco de coroamento é um conjunto estacionário de 4 a 7 polias montadas em linha num eixo suportado por dois mancais de deslizamento,a catarina fica suspensa pelo cabo de perfuração que passa alternadamente pelas polias da catarina, formando um sistema com 8 a 12 linhas passadas, se aumenta de 10 para 12 diminui o esforço na torre, por que o objetivo do gancho que fica presa na catarina e amortecer os golpes causados na movimentação das cargas se propaguem para a catarina. letra B

Hilcarlos
Visitante
Hilcarlos

O bloco de coroamento é um conjunto estacionário de 4 a 7 polias montadas em linha num eixo suportado por dois mancais de deslizamento,a catarina fica suspensa pelo cabo de perfuração que passa alternadamente pelas polias da catarina, formando um sistema com 8 a 12 linhas passadas, se aumenta de 10 para 12 diminui o esforço na torre, por que o objetivo do gancho que fica presa na catarina e amortecer os golpes causados na movimentação das cargas se propaguem para a catarina. letra B

Hilcarlos
Visitante
Hilcarlos

O bloco de coroamento é um conjunto estacionário de 4 a 7 polias montadas em linha num eixo suportado por dois mancais de deslizamento,a catarina fica suspensa pelo cabo de perfuração que passa alternadamente pelas polias da catarina, formando um sistema com 8 a 12 linhas passadas, se aumenta de 10 para 12 diminui o esforço na torre, por que o objetivo do gancho que fica presa na catarina e amortecer os golpes causados na movimentação das cargas se propaguem para a catarina. letra B

Hilcarlos
Visitante
Hilcarlos

O bloco de coroamento é um conjunto estacionário de 4 a 7 polias montadas em linha num eixo suportado por dois mancais de deslizamento,a catarina fica suspensa pelo cabo de perfuração que passa alternadamente pelas polias da catarina, formando um sistema com 8 a 12 linhas passadas, se aumenta de 10 para 12 diminui o esforço na torre, por que o objetivo do gancho que fica presa na catarina e amortecer os golpes causados na movimentação das cargas se propaguem para a catarina. letra B